segunda-feira, abril 06, 2015

A LÓGICA DA FAMÍLIA BRASILEIRA

06/04/2015
Lembro-me bem quando comecei a mudar meu pensamento em relação à várias coisas consideradas anormais para a sociedade. Até então, eu pensava vários absurdos, não nego. Porém acredito que o ser humano é muito inteligente e pode mudar e foi o que houve comigo. Ainda bem!

Nunca fui muito de acompanhar a Rede Globo, mas, como todos nós sabemos, qualquer coisa que aconteça lá e gere polêmica é impossível não ficar sabendo, então, claro, fiquei sabendo dos dois últimos beijos gays que aconteceram nas novelas. O que eu não entendi muito bem foi por qual motivo um gerou mais polêmica que o outro e aliás, por que houve polêmica, sendo que é algo tão comum hoje em dia? Também não entendi um comentário que ouvi de uma pessoa próxima a mim: "A Globo quer que todo mundo vire gay." Really??  Talvez eu seja tão convicta da minha sexualidade que isso não me afetará de forma alguma.

Pois bem, seguindo essa lógica, que na verdade não é tão recente, pensei em algumas coisas que irão influenciar muita gente. Todos sabem que os jogos de vídeo game são totalmente impróprios, porque, né? É impossível jogar GTA e não se tornar um criminoso. Eu, por exemplo, mato uma velhinha todos os dias. Além de que eu arremesso muitos passarinhos por causa da influência de Angry Birds.
Outra coisa que não entra na minha cabeça: por qual motivo os telejornais ainda são exibidos? Afinal de contas, a essência dos noticiários é exibir tragédias, crimes e coisas ruins em geral, certo? A Globo quer que todo mundo se torne criminoso Só pode. Depois daquele trágico acidente com o avião da Germanwings, compartilhei um tweet que pedia para que as pessoas não compartilhassem mais as notícias de aviões caindo, porque, segundo a lógica da família brasileira, isso incentiva outros aviões a caírem. É obvio, minha gente!

Eu realmente não me conformo em conviver com pessoas que acreditam nessas coisas. Claro, todos podem pensar o que quiserem, mas para mim, é de uma burrice tão grande pensar que uma cena qualquer na TV vai me incentivar a fazer algo considerado errado. Aquele tal boicote à novela Babilônia me fez rir eternamente. Funcionou? Pelo jeito sim. Mas se funcionou é porque o maior público são os cristão - aqui estão inclusos católicos, protestantes, etc. Até onde eu fui ensinada, assistir novela é pecado. E se é pecado, porque os que são contra estão tão por dentro do que acontece lá? Estou confusa.

Acredito que, antes de nos deixarmos ser manipulados por emissoras de TV, internet, pessoas ou qualquer coisa que seja, não custa pensar um pouco. Talvez eu seja um caso excepcional que não se deixa levar por certas opiniões e/ou o mundo todo está certo e eu errada. Tanta coisa não faz sentido para mim, mas acho, de verdade, que o ser humano pode ser inteligente. Será que estou errada nisso também?
Milca Abreu
Milca Abreu

Formada em Letras, apaixonada por leitura, fotografia, séries, gatos, Star Wars, Super-Heróis, Woody Allen e batons. Amo histórias de terror e suspense, músicas antigas e não dispenso uma boa passeada no shopping. Sou da Capital e ainda pretendo conhecer o mundo - ou parte dele.

3 comentários:

  1. Ai, palmas, palmas e mais palmas.
    É triste ver como as pessoas deixam a ignorância dominar suas mentes, cultivam o preconceito, são rasos nas coisas que conhecem, julgam tudo sem saber e assim por diante. As vezes eu meio que perco a fé na humanidade, sabe? E não é por esse caso da novela, é pelos casos de homofobia, pelos extremistas religiosos, por pessoas que não respeitam outras pessoas, não entendem que todos somos iguais ... e enfim... triste.

    ResponderExcluir
  2. Concordo você as pessoas só falam isso, falam aquilo a TV não é o unico meio que "incentiva as coisas" não assisto as novelas da globo aliás acho que a unica que raramente assisto na globo é o fantástico, mas acredito que sim a tv, internet, o radio as pessoas, podem te influencia de modo ou bom ou ruim dependendo da fragilidade.

    www.blogfabianacarvalho.com

    ResponderExcluir
  3. O problema não é bem a lógica brasileira, nem que a globo quer que todo mundo vire gay, muito menos a conscientização que o Jean Willys quer implementar com uma cartilha nas escolas sobre pais gays mas todo o furduncio que fazem sobre a vida normal de pessoas que fogem do padrão etico de eras atrás.

    | A Bela, não a Fera |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir

Se você gostou (ou não), deixe um comentário me dizendo o que achou, assim poderemos trocar figurinhas sobre coisas das quais gostamos e vou saber o quê e onde melhorar.
Spam, não, pls!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...